Buenas,

Lembra aquela massa caseira com molho vermelho gostinho da casa da vó ou da mãe italiana. Pois bem, hoje vamos ensinar um molho muito parecido com esse, que vem para matar a saudade.

É muito simples, talvez um pouco trabalhoso, mas já adianto o resultado vale muito a pena e serve para qualquer massa (Spaguetti,  Penne, Ravioli, Tortei…), e combina muito com aquela massa caseira que a vó faz…

Mãos a massa, quer dizer, ao Molho:

Ingredientes: (Para servir 4 pessoas / 500gr de massa)

  • 8 tomates italianos. (senão conseguir italiano tudo bem, indico pois eles são menos ácidos).
  • 1 cebola grande
  • 1 pimentão pequeno
  • 3 dentes de alho
  • Pedaços de Frango (utilizei 2 sobrecoxas), mas pode por mais
  • Açúcar
  • Orégano
  • Molho Shoyo
  • Sal e pimenta do reino a gosto
  • Salsinha para o prato

Iniciamos ensinando um ótimo truque para ‘descascar’ os tomates.

Corte uma cruz na pele, em baixo….

… e em cima. Faça o corte superficial, queremos apenas tirar a pele.

Coloque uma panela com água ao fogo, quando começar a ferver coloque seu tomate. Pode por todos ao mesmo tempo, para a foto fiz um separado.

Vais notar que o corte vai começar a aumentar, hora de retirar.

Detalhe para nossa cruz inicial.

Agora é só puxar as abas.

Prontinho, tomate sem pele pronto para nosso molho.

Aqui todos eles juntos.

Preparativos para iniciarmos:

Pique os tomates, a cebola, o pimentão, o alho e a salsinha.

O frango dividi em 6 pedaços sem pele e desossei. Essa carne vai dar um gostinho especial ao molho.

Faço uma camada de azeite em uma panela.

Entre com os pedaços de frango, vamos dourá-los.

Alho para agregar sabor, como utilizei aquele comprado pronto, peguei uma colher de sopa bem caprichada. Mas 3 dentes estão de bom tamanho.

Vamos fritando tudo.

Virando o frango:

Aqui um dica boa, colocamos um pouco de açúcar para dourar bem os frangos. Uma colher de sopa rasa basta.

Pode colocar diretamente na carne.

Além de ajudar na cor da carne esse açúcar vai quebrar qualquer acidez excessiva em nossos tomates.

Frango e alho devidamentes dourados vamos adicionar a cebola.

Refogando…

Entrada do pimentão picado

Notem que a cebola, frango e pimentão já soltaram seu liquido.

Vamos ao sal, uma colher de sopa bem servida é o suficiente.

Uma pontinha de colher de pimenta está ótimo, não queremos nada picante, é só um sabor a mais.

Aqui um item que nossas avós e mães não tinham, é um adicional que faz a diferença.

Coloca 3 colheres de sopa de molho shoyo.

Uma colher de sopa de orégano.

Pronto, a partir de agora não vamos mais complicar.

Entra com os tomates, eu não retirei as sementes, apenas retirei a pele e piquei.

Agora meus caros amigos e amigas é esperar. Vamos ferver esse molho sempre com a tampa aberta.

Lembre, tampa aberta o molho engrossa.

Cozinhando…..

FEITO… engrossou, notem que alguns pedaços de tomate ainda estão aí, maravilha! Que coisa linda.

Eis o momento, aproveitei um macarrão caseiro que tinha aqui, combinou perfeitamente.

Lembra aquela salsinha dos ingredientes??? pois bem, é aqui que ela entra, sirva também os pedaços de frango, a carne fica macia e muito saborosa.

Foto para o cardápio hehehe, me faz um favor e amplia essa foto, muito gostoso.

Prontinho, temos um molho para qualquer ocasião e a prova de qualquer paladar.

Espero que tenham gostado.

Obrigado a todos.

Abraços.